Cabo Frio é governada como se fosse um grande museu

Acabei de assistir à entrevista concedida pelo secretário de Ordem Pública de Cabo Frio, Renato Vianna, na segunda edição do RJ TV, na filial da Globo. Na ocasião, a reportagem dava conta da queda de um semáforo (clique aqui para relembrar) e do não funcionamento de alguns muitos outros.

Ao acompanhar as palavras do secretário, fiquei com a sensação de que Cabo Frio, nossa terra amada, está sendo administrada como se fosse um grande museu. Para justificar toda a ineficiência e inércia dos equipamentos públicos o discurso é uniforme: a culpa é do governo passado!

Governar tendo como sustentação de argumento a certeza de que o que não está “nos trilhos” é de exclusiva responsabilidade do governo anterior pode ser um “tiro no pé”. O cidadão já sabe que estamos em março de 2015, ou seja, há 26 meses do início desta gestão.

Será que durante pouco mais de dois anos não deu para consertar o que o governo disz que fora deixado estragado pelo prefeito anterior? É brincar com a memória de nossa gente acreditar que o um discurso tão raso será absorvido como sendo verdadeiro. 

A estratégia da verossimilhança deu certo durante a campanha eleitoral, mas não vai dar certo durante o governo. A verdade está posta diante do cidadão-eleitor todo santo dia. E o secretário deveria saber disso.

Chega de olhar para o retrovisor, secretário! 

Assim, se me couber o direito de sugerir – se não couber faço do mesmo jeito – direi que é melhor olhar para frente, entendendo que o “para-brisas” do município nos apresenta um futuro não tão promissor para nossa gente.

Que tal trabalhar pensando na cidade e não na política? Por que não assumir o próprio estado de inércia e acordar para que outros semáforos e postes não façam mais vítimas?

Cabo Frio é governada como se fosse um grande museu Cabo Frio é governada como se fosse um grande museu Reviewed by Alessandro Teixeira on 6.3.15 Rating: 5

Um comentário:

  1. Só governada? Cabo Frio é uma roça iluminada.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.