Os ânimos ficaram acirrados na Câmara de Cabo Frio

A sessão ordinária da Câmara de Cabo Frio foi “quente” na manhã desta quinta-feira, dia 26. Isso porque o vereador Celso Campista (PSB) fez discurso inflamado ao cobrar a revisão das Leis Complementares. O vereador colocou em xeque, inclusive, a indiferença do Legislativo municipal em relação à necessidade de atualização dessas leis.

Celso Campista disse, entre outras coisas, que “as nossas leis são preconceituosas e que só valorizam os cidadãos do Centro da cidade”. Ao falar das leis já ultrapassadas, o vereador disse que “dá vontade de pegar essas leis e queimá-las em praça pública”.

Ainda durante o tempo em que esteve na tribuna, Campista disse que “os cidadãos estão isentos de direitos” e que “os políticos daqui só pensam neles próprios e no bem estar de suas famílias”. Mas o ponto nevrálgico foi a constatação do vereador: “a culpa de a cidade estar no buraco é dos políticos”. E disparou: “Dá vontade de soltar uma bomba em todos os políticos e só deixar os cidadãos”.

O tom das palavras de Campista, no entanto, provocou reações do vereador Dr. Taylor Junior (PRB), líder do governo na Câmara, que cobrou “respeito aos vereadores”, solicitando que “seja feita a separação do joio do trigo”.

Dr. Taylor potencializou sua indignação ao dizer que “fazer discurso bonito é fácil, mas o povo está cansado de balelas”. E continuou: “eu não estou aqui para aceitar ouvir que político tem que levar bomba. Eu quero respeito! Eu não quero aqui falsos querubins”.

Acompanhando a discussão, e sempre em tom cordial, o presidente da Casa, vereador Marcello Corrêa, tratou de apaziguar os ânimos e encerrou o bate-boca solicitando respeito aos vereadores, à assistência e aos cidadãos de forma geral.

Ainda sim, Celso Campista não deixou a tribuna sem a sentença: “a crise é culpa da administração e não do povo!”.


Os ânimos ficaram acirrados na Câmara de Cabo Frio Os ânimos ficaram acirrados na Câmara de Cabo Frio Reviewed by Alessandro Teixeira on 26.3.15 Rating: 5

4 comentários:

  1. “Dá vontade de soltar uma bomba em todos os políticos e só deixar os cidadãos”. E ele é o quê? Calma Celso Campista! Isso pode gerar uma autodestruição. E o cidadãos com toda certeza vão agradecer. Vai ser sem noção assim, em Cabo Frio. Eu não digo que Cabo Frio é um pagode.

    ResponderExcluir
  2. “Dá vontade de soltar uma bomba em todos os políticos e só deixar os cidadãos”. E ele é o quê? Calma Celso Campista! Isso pode gerar uma autodestruição. E o cidadãos com toda certeza vão agradecer. Vai ser sem noção assim, em Cabo Frio. Eu não digo que Cabo Frio é um pagode.

    ResponderExcluir
  3. Ele como vereador sabe muito bem o que fala, o seu pronunciamento condiz com a realidade com os fatos que estão acontecendo na cidade, esta conversar que a crise instalada é culpa da queda do repasse dos royalties é tudo enganação dos prefeitos, a culpa são deles, pela péssima administração, nunca importaram pela geração de empregos, como politico é arte de enganar bobo, eles querem passar uma imagem de bom moço, pura enganação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Percebe-se anônimo , que ele sabe: o que fala.

      Excluir

Tecnologia do Blogger.