Novo diretor do Hospital do Jardim Esperança reconhece deficiências no atendimento

O novo diretor do Hospital Geral do Jardim Esperança, Dr. Sérgio Bandeira, reconheceu, em entrevista concedida ao brilhante Eduander Silva (clique aqui para ler) que seu principal problema no comando da unidade será o atendimento à população, especialmente porque são necessários ajustes na organização e cumprimento dos plantões médicos.

Segundo Dr. Sérgio Bandeira, o hospital conta com um “quadro médico de nove profissionais, sendo três da pediatria e seis clínicos gerais. Infelizmente, hoje (27), temos apenas dois médicos na clínica geral”. 

Para solucionar a questão das falhas nos plantões médicos, Bandeira diz que “já conversei com o secretário de Saúde” e que ficou decida a suspensão “de todas as férias até que a situação se resolva”. Isso porque “encontrei a pediatria com uma médica de férias, uma que faltou sem justificativa e um médico que não pode atender 200 crianças sozinho”, desabafa o diretor.

- Para esta situação estou solicitando a transferência de forma emergencial de um outro médico para ajudar. Na clínica geral temos médico de férias, faltosos com justificativa e sem justificativa. Aqueles que não apresentarem uma desculpa terão o seus dias cortados. O hospital do Jardim é o maior da cidade e se todos os médicos colaborarem não precisaremos de ajuda de outras unidades como estamos precisando neste momento, comenta o médico.

Para evitar futuros problemas e para dinamizar o atendimento aos pacientes moradores do Jardim Esperança e bairros adjacentes, Dr. Sérgio promete implementar medidas contundentes, que incluem punições severas e corte de salário. “Vamos punir com severidade e cortar o salário daqueles que não estão vindo trabalhar. As pessoas só entendem quando metem a mão no bolso”, diz o diretor, acrescentando que “quanto à situação da pediatria, a Secretaria de Saúde autorizou realizar uma triagem para identificar os casos mais graves para que fossem transferidos para outras unidades de ambulância”.

COMENTÁRIO

Em recentes postagens, tratei da deficiência do atendimento médico no Hospital Geral do Jardim Esperança (clique aqui e aqui para lembrar) e recebi duras críticas de um “homem de deus”, “profeta” e agente do governo. Naquela oportunidade, a sugestão a mim feita foi para “tirar o traseiro do sofá” e apurar os fatos.

Pois bem.

A situação repercutiu em outros canais de comunicação e agora o Hospital tem novo diretor que, importa registrar, não tentou jogar a sujeira para debaixo do tapete e reconhece os problemas no atendimento à população, especialmente na área da pediatria, anunciando, inclusive, a possibilidade de deslocamento de pacientes para outras unidades.

Dr. Sérgio Bandeira já era merecedor de meu respeito por sua trajetória. Ao agir de forma transparente, a potência desse respeito é ainda maior.


Novo diretor do Hospital do Jardim Esperança reconhece deficiências no atendimento Novo diretor do Hospital do Jardim Esperança reconhece deficiências no atendimento Reviewed by Alessandro Teixeira on 28.4.15 Rating: 5

Um comentário:

  1. Legal a atitude do diretor, não se escondeu e encarou o problema, até aí tudo bem, mas nós (população civil) não suportamos mais pessoas que só falam,estamos enfadados de conversa fiada, essa ladainha tipo: vamos apurar,providencias serão tomadas,e outras bravatas , mas no final tem sido só falação, e enquanto isso pessoas sofrem sem atendimento, nessa humilhação sem fim,acredito que esse diretor seja apenas mais um bucha , um pobre coitado que esta perdido neste caos, semelhante a um cão que caiu de um caminhão de mudanças, e ninguém vai voltar para procura lo...

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.