Grupo de artistas de Cabo Frio entra no 5º dia de protesto com sarau

A manifestação realizada por artistas de Cabo Frio chega ao quinto dia com a realização de sarais literários e poéticos, além de apresentações de músicas e rimas em frente à sede sa Prefeitura, no Centro. Na manhã desta segunda-feira (10) o protesto teve pouca adesão, mas a categoria mantém cerca de 15 representantes no local. Os artistas querem uma audiência com o prefeito e a formulação de um documento com o compromisso de pagamento das verbas.

Os artistas cobram o pagamento das verbas de um edital para projetos culturais na cidade e querem chamar a atenção do prefeito Alair Corrêa para a falta de investimentos na área. A terceira edição do Programa Municipal de Editais de Fomento e Difusão Cultural (Proedi) prometia destinar R$ 560 mil para 28 projetos selecionados.


A rapper Taz Mureb criticou a falta de adesão ao movimento. Ela disse que colegas estão boicotando a manifestação porque estão com medo de perder as verbas municipais que já recebem.

- O café da manhã que era previsto não aconteceu. Alguns artistas preferem nos criticar pelo ato que estamos promovendo do que participar. Querem conservar os benefícios que têm. Apesar disso, a população está nos apoiando", afirmou a cantora acrescentando que os participantes do ato querem uma garantia de que os pagamentos serão feito no dia 21. "Já nos fizeram quatro promessas", disse Taz.

Quatro promessas não cumpridas

Os artistas decidiram iniciar o protesto na quinta-feira (6) após a Prefeitura descumprir quatro promessas de depositar o dinheiro. A rapper Taz Mureb gravou uma mensagem para explicar o ato (veja no 1º vídeo). Ela foi abordada e chegou a discutir com guardas municipais que queriam tirá-la da frente da sede do governo municipal (veja no 2º vídeo). Segundo a artista, uma promessa de que o dinheiro seria depositado no dia seguinte foi feita, mas na manhã de sexta-feira (7), após uma reunião na Prefeitura, ela e outros artstas decidiram voltar para o acampamento, já que a promessa não teria sido cumprida.


- O atraso na liberação da verba está me causando vários problemas. A gráfica já quer aumentar o preço da impressão (de folhetos de divulgação) porque o orçamento é do ano passado. Sem contar que o lançamento do livro está marcado para o dia 10 de setembro e não sei se será possível cumprir. Ainda tem a Bienal do Rio no mês que vem, que também estou na dúvida se vai dar tempo. É uma falta de respeito", afirma Carlos Henrique Ferreira, que deve receber R$ 10 mil para o lançamento de um livro.

Prefeito garante que vai pagar no dia 21

Por meio de nota, enviada à imprensa nesta segunda-feira (10), a Prefeitura reforçou que o pagamento será realizado no dia 21 de agosto. A posição é a mesma do vídeo gravado pelo prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa, divulgado na semana passada pelas redes sociais, logo após o início da manifestação. (veja no vídeo abaixo).

- Nós conseguimos completar a nossa folha de pagamento de julho. Foi uma luta muito grande porque a nossa arrecadação está em queda e a folha, devido ao Plano de Cargos e Carreiras dos Servidores (PCCR), está sempre crescendo. Agora, embora tenhamos uma série de prioridades, vamos dar atenção ao Proedi. Queremos dizer que as nossas prioridades mesmo são saúde, educação e o social. Outras coisas precisariam ser pagas agora. Mas nós vamos dar prioridade a esse projeto.

Fonte: G1

Grupo de artistas de Cabo Frio entra no 5º dia de protesto com sarau Grupo de artistas de Cabo Frio entra no 5º dia de protesto com sarau Reviewed by Alessandro Teixeira on 10.8.15 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.