CABO FRIO | Obras da Escola Patrícia Azevedo já custaram R$ 5 milhões

Com o término previsto para março de 2015, as obras da Escola Municipal Patrícia Azevedo, localizada no bairro Jardim Esperança, além de atrasadas, já custaram aos cofres públicos R$ 5.136.266,72. Em abril deste ano, já com prazo vencido, a Prefeitura informou que “as obras estavam em ritmo acelerado e em fase de acabamento”.

ILUSTRAÇÃO | A imagem é da fase inicial das obras de construção da Escola Patrícia Azevedo

Ainda em abril, o prefeito Alair Corrêa disse que “o momento de reestruturação financeira dos municípios exige esforço redobrado para não afetar o andamento das obras das escolas” e que foi “obrigado a paralisar muitas obras temporariamente. Mas sempre fui muito objetivo com nossos técnicos para que as obras das escolas não sofressem qualquer tipo de interrupção”.

Muito tempo e milhões depois, as obras da Escola Patrícia Azevedo não estão prontas e, por isso, a Prefeitura teve que renovar contrato de aluguel com a Igreja Católica do Jardim Esperança [imagem abaixo] por mais seis meses. O quarto aditivo ao contrato 047/2013 prevê que o valor total a ser pago à Igreja é de R$ 63.312,00, sendo que a fundamentação para a renovação do contrato segue as cláusulas do processo 787/2013.


De acordo com cálculos da Prefeitura, apresentados também em abril, a construção da Patrícia Azevedo teria investimento acima de R$ 5 milhões, disponibilizando aos alunos “uma estrutura de ponta, seguindo o que há de mais moderno e em sintonia com definições pedagógicas”, sendo que o novo prédio terá capacidade para 800 alunos divididos em dois turnos.

A estrutura das novas escolas inclui biblioteca, anfiteatro, auditório, sala multifuncional, sala de informática, quadra poliesportiva, refeitório e bicicletário.

A empresa responsável pela construção da nova escola é a Construtora Marlivre Ltda., empresa que tem sede no mesmo endereço da Córrego Rico Transporte e Construção Ltda., que acaba de ter contrato aditivado em R$ 27.117.552,00 para alugar equipamentos (veículos) para a Prefeitura de Cabo Frio.

Veja abaixo o detalhamento dos pagamentos feitos à Construtora Marlivre Ltda.


COMENTÁRIO

O fato de as duas empresas que prestam serviços milionários à Prefeitura de Cabo Frio terem o mesmo endereço é fruto das coincidências da vida? Ou também é intriga dessa “oposição” sedenta por transparência? 

Sei lá! Talvez sejam reflexões de uma sexta-feira insossa.

CABO FRIO | Obras da Escola Patrícia Azevedo já custaram R$ 5 milhões CABO FRIO | Obras da Escola Patrícia Azevedo já custaram R$ 5 milhões Reviewed by Alessandro Teixeira on 9.10.15 Rating: 5

4 comentários:

  1. Nem o Salesiano Santa Rosa em Niterói que se colocar todas as escolas particulares de Cabo Frio em suas dependências, ainda sobra espaço, não deve ter gastado isso tudo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Onde se lê: gastado ; leia -se: gasto.

      Excluir
  2. Porque alguém não entra com uma ação no ministério público...? Isso que está acontecendo em Cabo frio é um absurdo...

    ResponderExcluir
  3. Quer dizer entao que o vizinho da cobertura da praia do forte levou quase uma escola Patricia Azevedo que estava escondida na casa do genro (R$4.000.000,00). , Quem levou deve estar passeando e quem foi lesado nem ligou, pois era dinheiro roubado mesmo.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.