CABO FRIO | Prefeitura pagou R$ 230 mil para Portal da Transparência voltar a funcionar

Depois de ficar uma semana for do ar, o Portal da Transparência da Prefeitura de Cabo Frio voltou a funcionar no final da tarde desta terça-feira, dia 10, já com lançamentos de pagamentos referentes ao período em que o cidadão não pode acompanhar a vida contábil do Executivo municipal, o que inclui a capacidade de acesso aos dados referentes à receita, empenho, liquidação e pagamento.

De acordo com dados disponibilizados no próprio Portal da Transparência, a Prefeitura de Cabo Frio efetuou pagamentos, entre os dias 04 e 09 de novembro, na ordem de R$ 229.146,82. Esse valor corresponde a serviço de instalação e a implantação de rede multisserviços de comunicação digital por fibra óptica, a despesas com cessão de licenciamento de uso de sistemas integrados de gestão pública. 

ELE VOLTOU! | Depois de uma semana fora do ar, Portal da Transparência já pode ser acessado

Na semana passada, quando vários setores da Prefeitura ficaram sem acesso à internet, o coordenador geral da Comunicação, Edinho Ferrô, em entrevista ao jornal Folha dos Lagos, informou que “houve apenas um problema técnico no sistema de informática do Exe­cutivo municipal. A rede caiu na sede do governo, na Praça Tira­dentes, no Centro, e em mais sete secretarias na última terça-feira”. No entanto, os pagamentos feitos a duas empresas (Bempnet Provedor de Internet Ltda. e Tecnologia Global Ltda.), descontroem a versão apresentada pelo “porta-voz” do governo (ou do prefeito).

Somente após efetuar os pagamentos às duas empresas, é que os serviços de conexão à internet e à base de dados da Prefeitura voltaram a funcionar. Em relação ao Portal da Transparência, conforme explicações técnicas, os dados podiam ser acessados apenas no sistema intranet, sendo possível a disponibilização pública posteriormente à reconfiguração dos IPs (Internet Protocol).

COMENTÁRIO

O prefeito Alair Corrêa foi bastante “feliz” ao usar, em recente episódio envolvendo os milionários pagamentos feitos à Córrego Rico, pensamento do Barão de Itararé: “É mais fácil pegar um mentiroso que um coxo”. É o caso da mão e a luva. Serviu com perfeição.

Não sabia o prefeito que, pouco tempo depois, a frase poderia ser usada para descrever algo referente ao seu próprio governo, que todos sabem ir muito mal das pernas, assemelhando-se ao coxo.

É o que temos [ou não temos] para o momento.

CABO FRIO | Prefeitura pagou R$ 230 mil para Portal da Transparência voltar a funcionar CABO FRIO | Prefeitura pagou R$ 230 mil para Portal da Transparência voltar a funcionar Reviewed by Alessandro Teixeira on 10.11.15 Rating: 5

3 comentários:

  1. Funcionários com salários atrasados, alguns faltando vencimentos, médicos "sartando" fora, exames não realizados, falta de medicamentos, prestadores de serviços passando necessidades e o prefeito paga essa quantia toda para ativar o portal da transparência , hein?

    O mais engraçado, que ninguém consegue tirar a segunda via do boleto para pagar o IPTU (devido ao calculo do IPTU de 2016, segundo informação no site) . O carnê não dá essa opção de pagamento, após o vencimento. Quem foi o "sábio", que elaborou esse carnê?

    ResponderExcluir
  2. Por onde anda?
    Quem está mais sumido que pagamento de prestadores de serviços da prefeitura de Cabo Frio é o Carlos Victor, irmão do ex-prefeito e Deputado Federal MM.

    ResponderExcluir
  3. Porquê será que e tão caro? Para determinadas situações não falta Caraminguazinho, tipo a TV Record não tem o que reclamar da Secretaria de comunicação e da Prefeitura de Cabo Frio, deve ser prioridade também...mas não sei para quem,porém imagino...

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.