CABO FRIO | Servidores recusam proposta do governo e entram em estado de greve

Os servidores municipais de Cabo Frio decretaram estado de greve até sexta-feira (5). A decisão foi tomada em assembleia geral extraordinária, realizada na manhã desta segunda-feira (1), no auditório da Associação Comercial (Acia), pelo Sindicato dos Servidores Públicos de Cabo Frio (SINDICAF). Na pauta, a categoria avaliou a proposta apresentada pelo governo, em audiência de conciliação, realizada no dia 27 de janeiro.

Segundo o presidente do SINDICAF, Olney Vianna, a pauta levada para apreciação da assembleia se resumiu ao calendário de pagamento dos servidores. De acordo com ele, a proposta do governo foi de pagar os considerados serviços essenciais - Saúde, Guarda Municipal; Serviços Públicos, que engloba a Postura e os servidores dos cemitérios; e o pessoal da limpeza - até o quinto dia útil. Os demais estatutários até a terceira quarta-feira do mês; os contratados até o dia 27 e os comissionados no último dia do mês.

MAIS ALFINETADAS | Presidente do SINDICAF diz que o governo faz jogo sujo e delicado. Governo silencia

- A audiência foi uma determinação do juiz depois que foi deferido pedido de liminar, ingressado pelo sindicato, pedindo o bloqueio das verbas da Prefeitura para o pagamento dos servidores. O município conseguiu prazo para efetuar o pagamento, mas não cumpriu. Foi quando o juiz determinou que fosse realizada audiência de conciliação. Apresentamos toda a pauta de reivindicações das categorias trabalhistas, mas apenas o calendário de pagamento foi discutido. Primeiramente, o município afirmou que ia continuar pagando os servidores como vem sendo feito, priorizando quem eles bem entenderem. Depois de muita discussão, foi fechada essa proposta, que eu não pude aceitar sem antes trazer para a assembleia, explicou Olney Vianna.

A categoria não aceitou a proposta do governo e os servidores querem o pagamento de todas as categorias até o quinto dia útil do mês, ou seja, até sexta-feira (5). Até lá, foi decretado o estado de greve. Caso o município não pague os salários, a greve geral será deflagrada a partir de sábado (6), no início do carnaval.

O resultado da assembleia será comunicado ao juízo pelo setor jurídico do SINDICAF. Para Olney Vianna, o governo está fazendo um jogo sujo e delicado. 

- O que o governo fez foi jogar o sindicato contra a parede e me colocar em maus lençóis, com uma proposta que favorece quatro mil servidores e desfavorece os demais, dividindo as categorias. Esse é um jogo muito perigoso, disse o sindicalista.

Fonte: RC24h

COMENTÁRIO

A situação em Cabo Frio caminha para o insustentável. De um lado, servidores desejosos do estabelecimento de um calendário de pagamentos - a pauta de reivindicações é muito mais extensa; agora esperam o mínimo - e de outro o governo, cada vez mais acuado e sem condições de reagir da forma como costumeira age: com indiferença.

Aliás, não tem como o governo ficar indiferente, assistindo à distância ao drama do servidor, que já entendeu que o caminho para forçar o diálogo é o Judiciário. Até mesmo os agentes da administração convivem passivamente com a ideia de que transparência só se pratica diante de um juiz, o que lamentamos profundamente.

As garantias trabalhistas, como adicional noturno, hora extra trabalhada, adicionais de periculosidade e insalubridade, adicional de produtividade, triênios ainda não computados no contra-cheque, vale transporte descontado sem a recarga no cartão, aposentadorias não liberadas são temas ainda em aberta e certamente estarão na pauta da próxima assembleia ou da próxima audiência.

Aguardemos. Oremos. Vigiemos.

CABO FRIO | Servidores recusam proposta do governo e entram em estado de greve CABO FRIO | Servidores recusam proposta do governo e entram em estado de greve Reviewed by Alessandro Teixeira on 1.2.16 Rating: 5

Um comentário:

  1. Só estou aguardando o dia 05 de fevereiro de 2016, caso meu pagamento, mesmo sem a INSALUBRIDADE a que tenho direito não seja creditado, entrarei com Processo na Promotoria de Justiça CRIMINAL. Nem quero saber quem foi quem envernizou a barata!

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.