FINANÇAS | Cabo Frio e Araruama estão com repasses federais suspensos

Foi publicada no Diário Oficial da União desta terça-feira (26), a Portaria 820/2016, que suspende a transferência de incentivos financeiros referentes ao número de Equipes de Saúde da Família e Equipes de Saúde Bucal nos municípios. Na Região dos Lagos, Cabo Frio e Araruama foram os municípios que tiveram a suspensão do repasse.

PERDAS | Os dois municípios apresentaram dados inconsistentes no cadastro de profissionais

As Equipes de Saúde da Família são compostas por equipe multiprofissional que possui, no mínimo, médico generalista ou especialista em saúde da família ou médico de família e comunidade, enfermeiro generalista ou especialista em saúde da família, auxiliar ou técnico de enfermagem e Agentes Comunitários de Saúde (ACS). É possível acrescentar a esta composição, como parte da equipe multiprofissional, os profissionais de saúde bucal (ou equipe de Saúde Bucal-eSB).

Entre as atribuições destas equipes estão a participação das atividades de educação permanente, a promoção, mobilização e a participação das comunidades locais, com o objetivo de efetivar o controle social, entre outras.

Causa do bloqueio

O motivo pelo qual os municípios tiveram suspensa a transferência da verba referente à competência financeira fevereiro 2016 é a existência de irregularidades no cadastramento de profissionais da Saúde da Família identificadas no Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (SCNES). O problema refere-se à duplicidade no cadastro de profissionais no Sistema.
Com informações da CNM
FINANÇAS | Cabo Frio e Araruama estão com repasses federais suspensos FINANÇAS | Cabo Frio e Araruama estão com repasses federais suspensos Reviewed by Alessandro Teixeira on 26.4.16 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.